Receita de Molho de Tomate Caseiro

Plano detox funciona? Saiba tudo aqui

Hoje vou te ensinar a fazer a sua própria receita de molho de tomate caseiro sem precisar daqueles saquinhos de molhos já prontos e cheios de conservantes.

Você pode achar que não faz diferença, mas faz, e muuuita.

Não há nada melhor que uma macarronada com um molho caseiro delicioso.

Antes de anotar a receita, quero que você conheça os benefícios dessa incrível fruta.

BENEFÍCIOS DO TOMATE

como fazer molho de tomate

Benefícios do Tomate

O tomate está associado a índices reduzidos de câncer de pâncreas, cervical e próstata. Ele protege o organismo de infecções bacterianas, assim como de perturbações digestivas e pulmonares. Em cataplasmas ou cru, ele age como desinflamatório, sendo também muito benéfico para a atividade cerebral.

O suco de tomate puro servido com salsa ajuda a dissolver cálculos renais. Além disso, é ótimo para combater as infecções e exerce efeito anti-séptico no corpo, neutralizando resíduos ácidos.

O tomate contém grandes quantidades de vitaminas (A, complexo B e C) e sais minerais (ácido fólico, potássio e cálcio).

Receita de Espaguete Clássico ao Molho de Tomate

LICOPENO

Os tomates são, de longe, a fonte mais rica em Licopeno, poderoso antioxidante que combate os radicais livres, retarda o envelhecimento e pode proteger contra o câncer, inclusive o de próstata.

O licopeno é um carotenoide que confere a cor vermelha ao tomate e pode ser também encontrado, em menores quantidades, na melancia, na goiaba, no morango e no mamão. Quanto mais intensa for a cor vermelha do tomate, mais rico em antioxidante ele será.

Por ser um carotenóide, o Licopeno é melhor absorvido na presença de gorduras saudáveis. A adição de uma dose moderada de gordura monoinsaturada facilita o transporte, a absorção e a ação do Licopeno no organismo. Por isso, para tornar sua preparação à base de tomates ainda mais poderosa e saudável, acrescente 1 fio de azeite de oliva extra-virgem processado à frio.

como preparar molho de tomate caseiro

Alimentos que contém licopeno.

Outra característica observada pelos estudos foi que o calor aumenta a biodisponibilidade do licopeno, ou seja, esse fitoquímico é melhor absorvido pelo nosso organismo quando os tomates são cozidos. Sendo assim, capriche nos molhos e sopas de tomate.

É importante mencionar que o processo de industrialização do tomate, para a elaboração de molhos prontos, catchup e outros, não destrói o licopeno, mas… fique de olho nos rótulos e escolha aqueles com menores teores de calorias e sódio.

Receita de Tomates Recheados Light

Além do “superpoderoso” Licopeno, os tomates são também fontes de Vitamina C e de Potássio, mineral importante no controle da pressão arterial, nas contrações musculares, na saúde das artérias e na manutenção dos líquidos celulares.

Agora, anote a receita.

 

Receita de Molho de Tomate Caseiro

como fazer molho de tomate caseiro

Molho de Tomate Simples

INGREDIENTES

  • 5 kg de tomates italianos maduros
  • 3 cebolas
  • 3 colheres (sopa) de azeite
  • sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

MODO DE PREPARO

  1. Leve uma panela grande com água ao fogo alto para ferver. Enquanto isso, lave os tomates e, com uma faca, corte um x na base de cada um. Prepare uma tigela com água e gelo.
  2. Assim que a água começar a ferver, mergulhe os tomates (aos poucos) e deixe cozinhar até a pele começar a soltar. Com uma escumadeira, transfira os tomates para a tigela com água e gelo – com o choque térmico fica mais fácil descascar. A partir do corte em x, puxe e descarte a pele. Transfira os tomates pelados para uma tigela e repita com o restante – reponha o gelo na tigela conforme for derretendo para manter a água bem fria.
  3. Descasque e pique fino as cebolas. Leve uma panela grande ao fogo médio. Quando aquecer, regue com o azeite, junte a cebola e tempere com uma pitada de sal e pimenta. Refogue por cerca de 15 minutos até dourar.
  4. Enquanto isso, corte os tomates ao meio e descarte as sementes. Bata os tomates em etapas no liquidificador (sem acrescentar água): para preparar um molho mais rústico, com pedaços, bata no modo pulsar para triturar; se preferir um molho tradicional mais fluido bata até ficar liso.
  5. Junte os tomates batidos à cebola refogada, tempere com sal e misture bem. Deixe cozinhar em fogo médio até começar a ferver, só então abaixe o fogo e deixe cozinhar por mais 1 hora e 30 minutos, mexendo de vez em quando, até o molho ficar encorpado – atenção, dependendo do tamanho de sua panela, se mais funda ou mais larga, o tempo total de cozimento pode variar. Prove e tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto (se quiser adicione 1 maço de manjericão fresco e deixe cozinhar por mais 2 minutos para perfumar).
  6. Para armazenar porcione o molho em potes de vidro higienizados e conserve na geladeira por até 5 dias ou no congelador por até 3 meses. Atenção: não encha o pote completamente para evitar que o vidro estoure; se preferir congele em sacos para alimentos.
  7. Obs.: Para conservar fora da geladeira, porcione o molho ainda quente em potes de vidro higienizados e tampe; transfira para uma panela sobre um pano de prato dobrado e cubra com água quente; deixe ferver por 30 minutos, com cuidado retire os vidros da panela com uma pinça e deixe esfriar sobre um pano de prato limpo – observe se houve a formação de vácuo pressionando a tampa com o indicador. Armazene num local seco por até 1 mês. Se preferir, leve ao congelador e armazene por até 3 meses. Depois de aberto conserve por até 5 dias na geladeira.
como fazer molho

molho de tomate caseiro

Resultado de imagem para arrow down png

Sua Comida Caseira Ainda mais Fantástica AQUI

Café Verde Emagrecedor

Add Comment

free
hit counter